Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Tag Archive | "Oliveira do Bairro"

VIVA as Associações e Festa da Criança de regresso em maio


O VIVA as Associações e a Festa da Criança realizam-se de 4 a 8 de maio no Espaço Inovação em Vila Verde, sendo que no dia 5, quinta-feira, é feriado no concelho de Oliveira do Bairro, Anadia e Mealhada. A Festa da Criança tem lugar apenas nos últimos dois dias (sábado e domingo). A 11.ª edição do VIVA as Associações conta com 80 stands, de associações e entidades do concelho, 21 tasquinhas e 25 artesãos, números que refletem o interesse que a iniciativa continua a despertar junto da comunidade oliveirense.
Recorde-se que, para além de ser a grande “montra” do trabalho que as associações do concelho realizam ao longo do ano, o VIVA as Associações é também um momento de confraternização e partilha de experiências, sendo ainda uma excelente fonte de receitas para o movimento associativo presente, através das tradicionais tasquinhas.

Festa da Criança. Os últimos dois dias do VIVA as Associações, e como tem sido tradição, coincidem com a Festa da Criança, que se realiza no fim de semana de 7 e 8 de maio. Mais uma vez, e tal como aconteceu nos anos anteriores, são esperados vários milhares de crianças que, acompanhadas pelas suas famílias, vão transformar o Espaço Inovação num imenso parque de diversões, em que todas as atividades e atrações são gratuitas.

Corrida de rolamentos. Entretanto, no dia 8 de maio, ainda integrada no programa do VIVA as Associações 2016, realiza-se a 4.ª edição da Corrida de Carrinhos de Rolamentos do concelho.
A iniciativa tem como principal objetivo promover a transmissão de tradições e valores de outros tempos, criando uma oportunidade para avós, pais e filhos embarcarem num projeto comum de construção de carrinhos de rolamentos, dando também a possibilidade a todos os apaixonados pela velocidade e pelas aventuras de antigamente de trazerem à cidade toda a emoção e colorido destas “corridas”, assim como demonstrarem as suas qualidades enquanto construtores e pilotos destes verdadeiros bólides propulsionados pela força da gravidade.
A Corrida de Carrinhos de Rolamentos contará com duas modalidades – Velocidade e Criatividade – num trajeto de cerca de 900 metros, desde o Quartel das Artes Dr. Alípio Sol até à antiga Cerâmica Rocha.
As inscrições para esta competição já estão abertas e podem ser feitas  até ao dia 3 de maio, pelas 15h.

Posted in Destaque, Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Aprovadas 13 das 15 propostas ao Orçamento Participativo


O primeiro Orçamento Participativo levado a cabo pela Junta de Freguesia de Oliveira do Bairro conseguiu reunir 15 propostas, das quais 13 foram aceites pela Comissão Técnica de Análise. Desde a aquisição de equipamentos para os Bombeiros, até homenagens, concertos, e até um rebanho comunitário, apareceu de tudo um pouco no conjunto de propostas.
Até 22 de abril, serão divulgados pela Junta de Freguesia, os projetos a votação, locais de voto e datas junto da imprensa escrita e via mailing para todas as moradas postais da freguesia de Oliveira do Bairro. A votação dos projetos decorre de 26 de abril a 1 de maio. A Junta de Freguesia terá, depois, de executar o projeto vencedor até 30 de novembro de 2016.
As propostas apresentadas foram as seguintes:
1. “Homenagem aos beneméritos da comunidade Vilaverdense” – Proponente Paulo Jorge Simões Martins (aprovada por unanimidade);
2. “Bombeiros melhor equipados” – Proponente Alberto de Jesus Nunes Cardoso (aprovada por unanimidade);
3. “Aquisição de mobiliário para mediateca do Polo Escolar de Vila Verde” – Proponente Susana Isabel Simões Rodrigues, proposta aprovada por unanimidade.
4. “Rota pedestre da Murta” – Proponente Victor Fernandes Costa (aprovada por unanimidade);
5. “Aquisição de equipamento para recreio escolar – Polo Escolar de Oliveira do Bairro” – Proponente Milena Santos (aprovada por unanimidade);
6. “Mini Jogos sem Fronteiras” – Proponente Mauro André Santiago de Almeida (aprovada por unanimidade);
7. “Caminhada mais divertida do Planeta” – Proponente Carlos Manuel Ferreira Ferreira (aprovada por unanimidade);
8. “Vamos proteger os Bombeiros” – Proponente Marco Bruno Louro Maia (aprovada por unanimidade);
9. “Polo Museu de Oliveira do Bairro” – Proponente António Mário Moreira Bastos (aprovada por unanimidade);
10. “Requalificação da Rua da Caneira”- Proponente Manuel Jorge Marques Santos (proposta recusada por unanimidade, em virtude da competência da execução da mesma ser da alçada da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro e não da Junta de Freguesia de Oliveira do Bairro. Foi sugerido ao executivo da Junta de Freguesia que reencaminhasse a proposta para os serviços competentes da Câmara Municipal para que fossem conhecedores do teor da mesma);
11. “Requalificação do Parque da Canhota” – Proponente António José Baptista Silva (aprovada por unanimidade);
12. “Projeto Quinta do Vale do Mouro – Mini rebanho de cabras com cerca amovível, para limpeza de silvas, mato, formigas, ratos…” – Proponente António José Simões Abrantes (proposta recusada por unanimidade, devido ao facto de os terrenos contemplados na proposta, para a sua execução, serem propriedade privada. Foram ainda enumeradas diversas dificuldades de execução, como a segurança, logística, higiene pública e operacionalidade. Recomendou-se ao executivo da Junta de Freguesia que diligenciasse junto da comunidade habitacional da Quinta do Vale do Mouro o estudo conjunto de alternativas que tenham em linha de conta a limpeza dos terrenos dos lotes não ocupados);
13. “Formar Melhor, Proteger Melhor” – aquisição de manequim avançado de trauma para os Bombeiros – Proponente Joel André Vieira Vieira (aprovada por unanimidade);
14. “10 concertos nas 10 aldeias da Freguesia de Oliveira do Bairro” – Proponente António Manuel Dias Cardoso (aprovada por unanimidade);
15. “Capacita-te – criação de Banco de Ajudas Técnicas na Santa Casa da Misericórdia de Oliveira do Bairro – Proponente Jorge Pereira Abrantes (aprovada por unanimidade).

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Alunos do concelho apurados para o Parlamento Jovem Nacional


O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro, representado pelos alunos Valdir Coimbra, Beatriz Oliveira (efetivos) e Elisama Silva (suplente), vai estar presente no Parlamento Jovem Nacional. A sessão Distrital decorreu, no passado dia 7 de março em Oliveira do Bairro, juntando mais de uma centena de “deputados” do 2.º e 3.º ciclos do ensino básico público, privado e cooperativo do distrito de Aveiro.
Na presença do presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, do deputado da Assembleia da República, Porfírio Silva, da diretora do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro, Maria Júlia Gradeço, de uma representante da Direção Regional do Centro do IPDJ e da delegada Regional de Educação do Centro, Cristina Oliveira, os jovens “deputados” apresentaram e aprovaram os Projetos de Recomendação que vão submeter à Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens e elegeram os deputados que vão representar o distrito de Aveiro nesse evento final. Na Mesa da sessão, e a liderar os trabalhos, estiveram os alunos João Pedro Rodrigues Sousa (presidente), João Nuno Ramos (vice-presidente) e Rita Fernandes Dias (secretária).
O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro, representado pelos alunos Valdir Coimbra, Beatriz Oliveira (efetivos) e Elisama Silva (suplente), acabou por ser a entidade mais em destaque da sessão, ao conseguir o maior número de votos (31 em 78 possíveis), para o seu projeto de recomendação, que servirá de base para a redação do projeto distrital a apresentar na sessão nacional, ficando ainda os seus deputados apurados para esse evento final.

Nacional. A sessão nacional, que vai decorrer em maio na Assembleia da República, em Lisboa, será o culminar da iniciativa, reunindo os deputados jovens eleitos, em representação de todos os distritos e regiões autónomas, na qual se aprovará, após debate em Comissões e em Plenário, a Recomendação final sobre o tema desta edição: “Racismo, Preconceito e Discriminação”.
O município de Oliveira do Bairro, que contou com dois “deputados” da Escola Básica Dr. Acácio de Azevedo, apoiou a iniciativa ao acolher esta sessão distrital, garantindo todas as condições logísticas para a sua realização e preparando um programa cultural para os professores e convidados que acompanharam os jovens deputados, oferecendo uma visita guiada ao Museu de Etnomúsica da Bairrada, localizado na vila do Troviscal.
Parlamento dos Jovens é um programa promovido pela Assembleia da República, em parceria com outras entidades estatais, que tem como objetivos educar para a cidadania, estimulando o gosto pela participação cívica e política; dar a conhecer a Assembleia da República, o significado do mandato parlamentar, as regras do debate parlamentar e o processo de decisão do Parlamento, enquanto órgão representativo de todos os cidadãos portugueses, assim como promover o debate democrático e o respeito pela diversidade de opiniões.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Centro de Saúde de um milhão não tem espaço para todos os serviços


O novo Centro de Saúde de Oliveira do Bairro, que abriu ao público, no passado dia 18, é pequeno e não tem área útil para instalar novos serviços, confirmou ao Jornal da Bairrada, o coordenador daquela unidade de saúde, Fernando Martins. “A dimensão não é a mais apropriada para todas as funções”, afirmou o médico. O Centro de Saúde de Oliveira do Bairro, cujo projeto é da responsabilidade da Administração Regional de Saúde (ARS), foi adjudicado em agosto de 2013 pelo valor de 1.004.413,80 e pago pela Câmara que, agora, obterá uma comparticipação do QREN em cerca de 85%.
Fonte da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro já confirmou ao JB que o novo Centro Saúde (Unidade de Saúde Familiar) é pequeno e que a autarquia vai em conjunto com a ARS e com o diretor do Centro de Saúde encontrar uma solução para este problema.

Prazo apertado. O diretor do Centro de Saúde, Fernando Martins, diz não ter dúvidas de que “não se perdia nada se a Unidade de Saúde fosse um pouco maior”, justificando que o prazo apertado imposto pelo QREN para que a candidatura fosse apresentada, não permitiu que o projeto fosse alterado. “Depois de aprovado um projeto pelo QREN, tem que ser executado sem alterações”, explicou Fernando Martins, dando conta que os serviços de Saúde Pública, instalados neste Centro de Saúde, têm que partilhar o seu espaço.

Leia mais na versão digital do seu JB.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Igreja Matriz de O. do Bairro abre dia 6 de abril


A Igreja Matriz de Oliveira do Bairro, encerrada há três anos e que está a sofrer as maiores obras desde a sua construção, datada de 1600, vai reabrir à comunidade no próximo dia 6 de abril, com a cerimónia da receção da Imagem peregrina da Senhora de Fátima, anunciou o pároco de Oliveira do Bairro, Leonel Abrantes.
A igreja, nessa noite, abrirá sem bancos, dado que é esperada uma enchente no templo. A Imagem Peregrina de Nossa Senhora que, em maio de 2015, iniciou uma peregrinação por todas as dioceses de Portugal, será recebida na Capela de S. Sebastião (junto ao corte para o Pingo Doce) e rumará em procissão de velas para a Igreja Matriz.

Entretanto, no domingo seguinte, dia 10 de abril, a igreja, já com os bancos no sítio, receberá a cerimónia do Crisma, ato que, à semelhança do anterior, também contará com a presença do Bispo de Aveiro, António Moiteiro. Contudo, Leonel Abrantes alerta que o retábulo do altar-mor não estará concluído, assim como os altares laterais. Relativamente ao altar-mor, atualmente, estão a ser feitos trabalhos de verificação e substituição do que não é recuperável. Nos próximos dias será colocado o guarda-vento que será em vidro e aço. “É uma parte moderna que inserimos na obra”, acrescenta o pároco.
Generosidade. O pároco de Oliveira do Bairro continua a apelar à generosidade da população que, diz, “tem sido inexcedível. “A população tem sido muito generosa e eu acredito que continuará a sê-lo”, sublinhando que “o Cantar dos Reis, que rendeu 14.417,63 euros, é prova dessa grande generosidade, assim como a barraquinha do «Miguel» que temos no adro da igreja, dinamizada pela Catequese e pelos grupos da paróquia, que nos dá uma receita mensal sempre num valor superior a mil euros”.
O padre Leonel Abrantes recorda ainda que a primeira empreitada está orçada em 375.742,64 euros (projeto, 12.300,oo euros; empreitada, 327.849,47 euros e altar-mor, 35.593,17 euros), dando conta que “até à data de 25 de fevereiro, foram já pagos 232.398,91 euros e ainda falta pagar 143.343,73 euros. Atualmente o saldo em bancos é apenas de 31.106,27 euros”, afirma, destacando os donativos recebidos no valor de 161 316,48 euros, à data de 1 de fevereiro.

A arquiteta Joana Araújo, da empresa Lantana, responsável pelos projetos, diz que os trabalhos têm decorrido dentro do previsto, pelo que “em breve será possível ver por terminado a reformulação dos espaços de coro baixo e coro alto, assim como da Capela Batismal que terá devoção a S. José”. “Por agora, a população já pode ver a sua Igreja com teto em caixotão verdadeiro, esta situação está finalizada e é um gosto entrar na Igreja, já sem a estrutura de andaimes, e visualizar este novo elemento que todos tanto esperávamos”, acrescentou Joana Araújo.

Como ajudar nas obras da igreja?
Transferência bancária: 0035 0561 00022016130 30 (CGD)
Abastecer o carro na Petrobairro. Desde o dia 1 de março, são doados 0,5 cêntimos por litro de cada abastecimento.
Participar no jantar de fados, a realizar no dia 12 de março, pelas 20h, no restaurante A Estância em Oliveira do Bairro. O jantar de angariação de fundos custa 15 euros e é organizado pelas Confrarias com a colaboração da Fábrica da Igreja. As entradas podem ser adquiridas no Cartório Paroquial, Igreja Matriz, Capela da Serena, Capela de Vila Verde e Capela do Cercal, junto dos membros da Fábrica da Igreja e dos elementos das Confrarias.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Orçamento Participativo entra em fase de divulgação junto da comunidade


A Junta de Freguesia de Oliveira do Bairro, entidade que está a promover para o corrente ano o Orçamento Participativo (OP), encontra-se a realizar um conjunto de reuniões com as associações e forças vivas da comunidade oliveirense, no sentido de divulgar este projeto e de incentivar à participação da comunidade com ideias de projetos, obras, iniciativas ou outras consideradas de interesse para a comunidade e que se enquadrem com o regulamento do próprio orçamento participativo, anunciou o presidente da Junta, Márcio Oliveira.
Segundo Márcio Oliveira, o OP “é um projeto de cidadania, onde o cidadão ou as forças vivas da sociedade são incentivadas a avançar com propostas concretas a implementar no terreno, a refletir sobre as mais-valias de cada medida e nos custos associados, pois com um orçamento limitado para o efeito, as propostas terão necessariamente de ter uma base racional e sustentável”. “Pretende-se ainda contribuir para a alteração do paradigma ainda dominante em diversos setores da gestão pública e autárquica que centra nos decisores políticos, não só o ónus da decisão, mas também o da identificação das problemáticas e o da definição das soluções”, explica o autarca.
O OP da Junta de Freguesia de Oliveira do Bairro destina-se a todos os cidadãos com idade igual ou superior a 18 anos, recenseados na freguesia de Oliveira do Bairro e as propostas podem ser apresentadas através da internet, e devem estar enquadradas nas seguintes áreas temáticas: ação social, culto, recreio, cultura, juventude, lazer, espaço sénior, espaço público, espaço verde, cidadania, saúde e associativismo.
O autarca diz que muito em breve todos os fregueses de Oliveira do Bairro receberão nas suas caixas de correio um desdobrável com informações úteis sobre o orçamento participativo, nomeadamente, o regulamento, datas importantes, votação, entre outras.
Qualquer interessado poderá obter mais informações sobre esta iniciativa na secretaria da Junta de Freguesia de Oliveira do Bairro, nos dias úteis das 9h às 17h ou colocar as suas questões para o mail: jfob@portugalmail.pt.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Bolsas de estudo para o ensino superior valem 85 mil euros


A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro vai atribuir 16 Bolsas de Estudo e outros apoios ao Ensino Superior para o ano letivo de 2015/2016, mais duas do que no ano transato, num investimento que pode chegar aos 85 mil euros.
Das 16 Bolsas de Estudo, aprovadas em reunião de Câmara, que têm como finalidade principal apoiar as famílias dos estudantes universitários com mais dificuldades financeiras, sete são novas e nove são renovações. De referir que cada bolseiro irá receber até 530 euros por mês, durante dez meses, no decorrer deste ano letivo, bolsa que poderá ser renovada anualmente até à conclusão da licenciatura ou mestrado.

Aposta estratégica. O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, realçou o facto de terem sido atribuídas mais duas bolsas do que em 2015, referindo que se trata de uma “aposta significativa em quem tem mérito e em quem precisa”. Para o autarca, este apoio “integra-se na aposta estratégica que o Município tem feito na área da educação, desde o pré-escolar até ao ensino superior, que tem posicionado o concelho de Oliveira do Bairro como um território educativo de excelência”.
Ainda relativamente às bolsas de estudo, Mário João Oliveira recordou que “estas são um instrumento da Câmara Municipal para que, independentemente dos recursos das suas famílias, todas as crianças do concelho tenham as mesmas condições e oportunidades”.

Critérios. As bolsas de estudo atribuídas pela autarquia aos estudantes variam de acordo com o rendimento per capita do agregado familiar e com outros apoios atribuídos pelos estabelecimentos de ensino que frequentam. A atribuição da bolsa nunca excede os 530 euros mensais, correspondentes ao salário mínimo nacional, sendo que, em alguns casos, a autarquia pode assegurar o total deste valor a bolseiros cujo rendimento per capita assim o justifique e que comprovem o pedido de bolsa no estabelecimento de ensino que frequentam.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Câmara aposta na reabilitação urbana e cria pacote de incentivos fiscais


A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro aprovou a criação de seis Áreas de Reabilitação Urbana, constituídas pelos núcleos urbanos da cidade e das cinco vilas do concelho, e um pacote de incentivos e benefícios, associados aos impostos e taxas municipais, a conceder aos promotores de obras que se enquadrem na regeneração urbana desses espaços e respetiva legislação em vigor.

Revitalização. Com a criação das ARU (Áreas de Reabilitação Urbana) de Oliveira do Bairro, Mamarrosa, Troviscal, Oiã, Bustos e Palhaça, a autarquia pretende dar resposta às necessidades e especificidades dos principais aglomerados urbanos do concelho de Oliveira do Bairro, promovendo a revitalização urbanística, económico-social, cultural e ambiental do tecido urbano existente. A criação destas Áreas vai promover não só a reabilitação do edificado, mas também intervenções ao nível do espaço público, infraestruturas, equipamentos e espaços verdes/urbanos de utilização coletiva, a concretizar através de operações de reabilitação urbana sistemáticas.

Centralidade urbana. Para o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, esta proposta, que vai à Assembleia Municipal de dia 12 de fevereiro para aprovação, “é um claro instrumento de intervenção territorial da autarquia, no sentido de criar as condições para que as nossas principais centralidades urbanas – a cidade e as nossas vilas – sejam mais atrativas para todos os que nelas residam, aumentando a qualidade de vida e tornando-as em polos de atração de visitantes”.
Em relação aos incentivos e benefícios para promover obras de reabilitação nas ARU, o autarca referiu que “a autarquia foi ao limite do que seria possível conceder”, dando um “sinal claro que estamos apostados em melhorar a paisagem urbanística do concelho e criar impacto positivo na vida das nossas populações”.

Pacote de incentivos. Estes incentivos e benefícios, associados aos impostos municipais, passam pela isenção do IMI por 5 anos (a contar da conclusão da reabilitação) e por 3 anos (após aquisição para obras de reabilitação), pela isenção de IMT na primeira transmissão onerosa e pela aplicação da taxa reduzida de IVA a 6%, em empreitadas de reabilitação urbana realizadas em imóveis ou em espaços públicos. Paralelamente, e de forma cumulativa, estão ainda previstos incentivos financeiros associados às taxas municipais, com isenção para a ocupação do espaço público por motivo de obras de reabilitação e para as taxas previstas no RMUE – Regulamento Municipal de Urbanização e Edificação.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Internet grátis chega à Alameda da Cidade de Oliveira do Bairro


Oliveira do Bairro já tem espaços públicos exteriores com acesso livre à internet, localizados nas zonas da Capela do Sr. dos Aflitos, parque infantil junto à antiga Escola Primária (na foto) e Capela de S. Sebastião, todos na Alameda da Cidade. Para além desses locais, existem ainda um ponto de acesso à internet sem fios no edifício dos Paços do Concelho (Câmara Municipal) e outro junto ao Pavilhão e Piscinas Municipais, no Parque Desportivo da cidade.
O projeto “Alameda Hotspot – Rede de espaços de acesso livre à internet”, que resulta de um investimento de 24.060,56 euros (cofinanciado pelo FEDER em 85%), tem como objetivo tornar a Alameda da Cidade de Oliveira do Bairro num espaço de fruição, integração e capacitação da população, possibilitando o acesso livre à internet, através da colocação de pontos de acesso sem fios (“hotspots”). A Câmara Municipal, responsável pelo projeto através do seu serviço de informática, tem a intenção de aumentar o número de “hotspots” na cidade.
Para acederem à internet nestes locais, os utilizadores apenas têm que aceitar os termos de utilização da rede wifiCMOLB, de cada vez que acedem ao serviço.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (1)

Oliveira do Bairro: Alunos colocam questões a cientistas em expedição


Alunos do concelho de Oliveira do Bairro conversaram, através de videoconferência, com os cientistas portugueses José Xavier e José Seco, que estão em expedição na Antártida, a bordo de um navio de investigação.
A iniciativa decorreu na sexta-feira, 29 de janeiro, na Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, e contou com a presença de cerca meia centena de alunos do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro, IPSB – Colégio Frei Gil e Instituto Profissional da Bairrada (IPB), que tiveram a oportunidade de colocar várias questões aos cientistas sobre a expedição PELAGIC, objetivos, quem financia e a forma como vivem e trabalham a bordo de um navio em pleno oceano antártico.
Ao longo da “entrevista” que os alunos fizeram aos dois cientistas, estes foram apresentando alguns membros da equipa de investigadores e da tripulação que os acompanham nesta “aventura” a bordo do navio cientifico britânico James Clark Ross, sempre com uma grande boa disposição, apesar do cansaço dos sucessivos turnos de trabalho de 12 horas, que todos fazem a bordo.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da BairradaComments (0)

Blogues recomendados


Cagido

PEREGRINO DE S.TIAGO
   Cada vez há mais peregrinos de S. Tiago a passarem por Anadia a caminho …


Notícias de Bustos

Governo prevê “Verão escaldante” na revisão do mapa das freguesias
JORGE TALIXA 03/04/2016 – 00:24Reforma da reforma operada pelo Governo PSD/ …


Portal de Nariz

"Governo não vai rever o mapa de freguesias até às autárquicas de 2017"
Recorte do jornal Público de 4 de maio de 2016Leia AQUI a notícia completa  …

Pergunta da semana

É assinante do Jornal da Bairrada?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com