Carta de Foral

O Município de Oliveira do Bairro celebra durante 2014, os 500 anos da Carta de Foral, concedida a 6 de abril de 1514 pelo Rei D. Manuel I.
Para assinalar a comemoração, a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro está a ultimar um programa comemorativo, que pretende envolver o maior número de pessoas e entidades.
Ao colocar logo no início do ano esta comemoração na agenda do município, com a imagem do Foral exposta em todas as freguesias, a autarquia pretende que a data conquiste lugar cativo na agenda de todos os Oliveirenses e que possa ser reservada por todos como o momento privilegiado para redescobrirem um acontecimento decisivo na história do concelho, conforme sublinha o presidente da Câmara Municipal, Mário João Oliveira. “O mês de abril de 2014 será uma ocasião marcante na vivência da história do município, uma oportunidade para que os vários agentes do território – culturais, associativos, recreativos e educativos – possam surpreender, com a sua criatividade, todos os oliveirenses”, afirma o edil oliveirense, referindo-se ao esperado e necessário envolvimento de todos os munícipes e entidades concelhias nesta importante comemoração.

Importância. Os Forais Novos, também conhecidos por Forais Manuelinos, foram documentos de grande importância na época para as povoações, “vieram normalizar o sistema contributivo do reino e reunir num único documento outras determinações que estavam dispersas”, como se escreve num trabalho do oliveirense António Capão, intitulado “A importância dos Forais na nossa região”.
Para quem pretender explorar o assunto ou aprofundar o seu conhecimento sobre a história do Foral de Oliveira do Bairro, sugere-se a consulta ao trabalho realizado pelo Museu S. Pedro da Palhaça 2001, que tem como base o estudo: “Estudo do Foral de Oliveira do Bairro” e o livro, de António Capão, editado pela Câmara Municipal de Oliveira do Bairro em novembro de 1991.