Vencedores na passada semana no norte de Itália aquando da quarta ronda do campeonato do mundo MXGP, o espanhol Jorge Prado e o holandês Jeffrey Herlings (na foto) dominaram ambas as corridas das suas classes no Crossódromo Internacional de Águeda. Na 21.ª visita do MXGP ao Crossódromo, os dois pilotos da KTM voltaram a “pintar” de laranja os lugares mais altos dos pódios finais após dois dias de competição marcados pela presença de 21.000 espetadores nas duas jornadas desta que foi uma grande festa do motocross, em Águeda.
Uma dupla vitória sempre na frente de António Cairoli, de novo o segundo em ambas as corridas para perder mais seis pontos em termos de campeonato nas contas finais, sendo agora 16 os pontos que separam ambos os pilotos, igualando Herlings as cinco vitórias de Cairoli na classe maior na pista portuguesa.
Nota para a presença de Rui Gonçalves e Paulo Alberto na classe maior, com Paulo Alberto a conseguir o 19.º lugar na primeira corrida. Na derradeira do dia o piloto de Leiria era 14.º quando foi forçado a abandonar devido a um inesperado problema na direção da sua moto. Rui Gonçalves foi 26.º na primeira corrida e 22.º na derradeira.
Estreia de Prado. Ao vencer ambas as mangas da prova do mundial MX2, o espanhol Jorge Prado tornou-se no primeiro espanhol a vencer em Águeda no Crossódromo bairradino em 21 anos de MXGP.
Foi de domínio superior o fim de semana do piloto galego que não só venceu a corrida de qualificação realizada de sábado, como voltou a “causar estragos” nas duas corridas deste domingo ao liderar a totalidade das voltas de ambas as mangas depois de assinar igualmente os melhores arranques, deixando Águeda com a desvantagem para Pauls Jonass reduzida a 14 pontos após a conquista alcançada na exigente pista portuguesa, que não teve portugueses nesta prova.
Um fim de semana onde o anfitrião Águeda Action Club mereceu rasgados elogios por parte de pilotos, equipas e promotor face às exigentes condições climatéricas que antecederam a prova e onde foi igualmente presença de destaque Miguel Oliveira, convidado do Actib e que mais uma vez foi fortemente acarinhado pelo muito público que esteve naquela que é considerada como uma das melhores pistas do campeonato do mundo, à qual o MXGP regressará em 2019.