O Município de Cantanhede acaba de ser mais uma vez distinguido como “Autarquia Mais Familiarmente Responsável” pela adoção de boas práticas e políticas amigas das famílias.
Atribuída pelo Observatório das Autarquias + Familiarmente Responsáveis (OAFR),  a insígnia foi entregue à presidente da Câmara Municipal, Helena Teodósio, e à vereadora com pelouro da Ação Social, Célia Simões, a 28 de novembro, no decurso de uma cerimónia que teve lugar no auditório da Fundação FEFAL, em Coimbra, com a presença de Jorge Botelho, Secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Rosário Carneiro, em representação do Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis, Rafael Lucas Pires, vogal da Direção da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, e o embaixador António Monteiro, presidente da Fundação Millennium BCP.
Políticas municipais
A candidatura apresentada pelo Município de Cantanhede assenta em indicadores muito positivos, com destaque para as políticas e práticas ao nível do apoio dado às famílias na sua função primordial de suporte aos descendentes e ascendentes. A aposta nesse sentido passa por projetos destinados aos agregados familiares mais fragilizados económica e socialmente, de forma a proporcionar-lhes uma vivência mais justa e com maior dignidade, através da transferência de verbas ou da prestação de serviços concretos nas áreas da ação social, educação, habitação, saúde, transportes, cultura, desporto, entre outras.
 
Ler mais na edição impressa ou digital