O município da Mealhada é um dos signatários do Pacto Institucional para a Valorização da Economia Circular na Região Centro (PIVECRC), um documento em que a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) desafia 84 agentes regionais (públicos e privados) a assumirem o compromisso de desenvolver ações que visam a promoção de práticas circulares.

A Câmara da Mealhada inscreveu três programas de ação que estão a ser desenvolvidos no concelho: a promoção da eficiência energética da Piscina Municipal de Mealhada, ao nível do aquecimento de água com recurso a estilha; a introdução dos princípios da Economia Circular nos procedimentos de contratação pública; e o estudo de benchmarking de boas práticas ao nível da valorização de lamas da ETAR.

A promoção da Eficiência Energética na Piscina Municipal de Mealhada prende-se com o aquecimento de águas, com recurso a painéis solares e à produção de estilha, proveniente do combate a espécies invasoras da Mata Nacional do Bussaco. A medida permitirá uma redução da fatura do custo energético de 25,7%. Com a introdução da produção local de energia térmica para autoconsumo a partir de fontes renováveis, a totalidade das operações permitirá fixar as emissões de CO2 em 71,80 toneladas de CO2 por ano, o que representará uma redução de 81,8% face às emissões atuais.

Conheça os outros compromissos na edição impressa de 13 de agosto ou, então, aqui.