Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Jovem inimputável condenado a internamento durante um ano

Um jovem, de 22 anos, de Oiã, considerado inimputável, foi condenado, na quinta-feira, no Tribunal Judicial de Oliveira do Bairro, a um ano de internamento em estabelecimento de cura, tratamento ou segurança, pela prática de um crime de lançamento de projétil contra um veículo.
O tribunal deu como provado que o indivíduo no dia 14 de maio, pelas 19h55, encontrava-se junto a uma Pastelaria em Oiã, a beber um sumo de uma garrafa de vidro e arremessou a garrafa em direção a um carro. A garrafa atingiu o para-choques dianteiro, provocando danos.
A magistrada deu a conhecer que foi realizada uma perícia médico-legal às faculdades do arguido, tendo resultado que o mesmo apresenta um quadro clínico, desde o seu nascimento, responsável por uma doença mental grave. O mesmo é considerado perigoso.
O arguido vive com os pais e desde cedo que revelou dificuldades ao nível familiar e social, e em termos de relacionamento interpessoal, revela condutas desadequadas, nomeadamente agressividade, rebeldia e dificuldades em compreender e cumprir regras de funcionamento em diversos contextos.
Agora, após trânsito, serão emitidos mandados para se dar início ao internamento.

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...