Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Oliveira do Bairro

Peditório anual dos Bombeiros de Oliveira do Bairro no domingo, dia 28

Peditório anual dos Bombeiros de Oliveira do Bairro no domingo, dia 28

Realiza-se no próximo domingo, dia 28 de agosto, o Peditório Anual dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro.

Face à difícil situação vivida pelos Bombeiros nas últimas semanas, a Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro e o Comando do seu Corpo de Bombeiros decidiram adiar o (habitual) peditório anual de 15 de agosto para outra data, que ficou agora definida. Será então no próximo domingo, dia 28 de Agosto, com início previsto às 8h30.

À semelhança dos anos transatos, os operacionais da Associação Humanitária dos BV Oliveira do Bairro encontrar-se-ão estrategicamente dispostos pelo concelho de Oliveira do Bairro, de modo a poder recolher a ajuda de todos.

Posted in Destaque, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Rock In Soul na Cafetaria do Quartel das Artes

O programa “Música no Bairro” (MB) propõe para sábado, dia 27 de agosto, o concerto do grupo de Coimbra – Rock In Soul – no Restaurante / Cafetaria / Bar do Quartel das Artes (QA).

Carlos Romão, João Letra, Marcelo Loureço e Ricardo Loureiro, músicos que formam a banda, trazem energia, ritmo e grandes malhas ao palco MB, que já habituou o público a projetos variados e de qualidade. Desta vez, os sons que se vão fazer ouvir estão enraizados na cultura pop/rock, como são exemplo os temas dos norte-americanos Pearl Jam e Kings of Leon ou os ingleses Queen.

É, seguramente, um concerto a não perder, dia 27, a partir das 22h30, no Restaurante / Cafetaria / Bar do QA, em Oliveira do Bairro.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Treze pessoas identificadas numa semana pelo crime de incêndio no distrito

Treze pessoas identificadas numa semana pelo crime de incêndio no distrito

13872781_1150076711721396_3167631498386308234_n

Militares do Núcleo de Investigação Criminal do Comando Territorial de Aveiro identificaram, durante a semana passada (de 8 a 12 de agosto), em diversos locais do distrito de Aveiro, um dos mais afetados pelos incêndios florestais que se registaram nos últimos dias em todo o país, 13 suspeitos do crime de incêndio florestal.

As primeiras identificações foram realizadas no dia 8 de agosto, na freguesia de Canedo (Santa Maria da Feira). Alertados por populares para a existência de fumo numa zona de florestal, os militares da Guarda Nacional Republicana (GNR) deslocaram-se de imediato para o local, tendo sido encontrados e identificados dois suspeitos, ambos adolescentes com 13 e 14 anos, pela prática do crime de incêndio.  A pronta intervenção de populares permitiu extinguir o incêndio, evitando assim que o mesmo se propagasse para uma densa área florestal.

No dia 10 de agosto, foram identificadas mais cinco pessoas, um homem na localidade da Lapa (Castelo de Paiva), já referenciado num processo anterior pelo crime de incêndio, um homem na localidade de Bustelo (Oliveira de Azeméis) e dois homens e uma mulher na localidade de Celada (Arouca), por suspeitas da mesma prática criminal.

No dia seguinte, dia 11 de agosto, pelas 4h, foi identificado um homem, com 19 anos, que circulava numa viatura na zona de Granja (Arouca), local onde surgiram na altura vários focos de incêndio, os quais foram extintos graças à pronta intervenção dos Bombeiros.

Por último, no dia 12 de agosto, foram realizadas mais cinco identificações, uma por indícios recolhidos a um indivíduo, de 28 anos, que é suspeito da vaga de incêndios que deflagraram na zona da Anadia, e de quatro homens, com idades compreendidas entre os 21 e 30 anos, na zona de Póvoa do Pereiro (Anadia), que na sequência de denúncias de populares terão sido vistos, pelas 2h20, a arremessar objetos para o exterior de duas viaturas, causando assim pequenos focos de incêndio.

Nos últimos dias, a PJ deteve uma mulher de 52 anos, doméstica, sem antecedentes criminais, por suspeita de crime de incêndio florestal, ocorrido na sexta-feira, dia 12 de agosto, no concelho de Oliveira do Bairro. A detida vai ser presente às autoridades judiciárias competentes para interrogatório e eventual aplicação de medidas de coação.

O presumível autor de um fogo posto na Mealhada, na sexta-feira (12 de agosto), que tem 26 anos de idade e é trabalhador agrícola, já “foi presente às autoridades judiciárias competentes” e também aguarda “os ulteriores trâmites do processo sujeito a prisão preventiva”. De acordo com um comunicado da Diretoria de Aveiro da PJ, o incêndio foi iniciado “através de chama direta, com recurso a um isqueiro, tendo o seu autor confessado os factos e indicado a forma como procedeu”. O homem também admitiu que “tinha um certo fascínio por visualizar os meios aéreos durante” o combate às chamas, acrescenta a Judiciária.

A GNR vai manter ativa a vigilância nas zonas florestais, com o objetivo  de detetar e dissuadir práticas de uso do fogo que possam contribuir para o aumento do risco de incêndio florestal, empenhando diversas capacidade e valências, incluindo militares de investigação criminal.

Posted in Anadia, Aveiro, Destaque, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Região0 Comentários

Novo Cartaz do “Bairrada em Prova” nos Espaços Bairrada

Novo Cartaz do “Bairrada em Prova” nos Espaços Bairrada

A Associação Rota da Bairrada apresenta um novo cartaz do “Bairrada em Prova”, em vigor desde o dia 16 até ao dia 31 do mês de agosto. Uma oportunidade de degustar uma nova paleta de vinhos da região nos Espaços Bairrada da Curia e de Oliveira do Bairro.

Entre os dias 16 a 31, a Rota da Bairrada integra no cartaz do “Bairrada em Prova” numa edição especial de três novos vinhos Bairrada. Um espumante, um vinho branco e um vinho tinto, que envergam a marca do Comité Olímpico de Portugal Bairrada nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Esta forma de provar vinhos Bairrada está disponível todos os dias de semana e fim de semana dentro do horário de funcionamento dos Espaços Bairrada da Curia e de Oliveira do Bairro. Todos os interessados podem desfrutar de uma prova sempre acompanhada por um elemento da Associação Rota da Bairrada que apresenta de uma forma muito acessível as principais notas sensoriais dos néctares a degustar. O valor simbólico de 3 euros cobrado pela prova é oferecido sempre que se realizem compras de valor igual ou superior a 10 euros.

Todos os enófilos estão, uma vez mais, convidados a desfrutar de uma experiência vínica degustando alguns dos melhores vinhos da região Bairrada.

Posted in Anadia, Destaque, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

PJ detém mulher suspeita de atear incêndio em Oliveira do Bairro

PJ detém mulher suspeita de atear incêndio em Oliveira do Bairro

800

Uma mulher de 52 anos, doméstica, sem antecedentes criminais, foi detida pela Polícia Judiciária (PJ), por suspeita de crime de incêndio florestal, ocorrido na passada sexta-feira, no concelho de Oliveira do Bairro.

Depois de assistir ao combate aos incêndios que ultimamente deflagraram, com frequência, nas proximidades da sua residência, a suspeita colocou três focos de incêndio de que não resultaram avultados danos, porque foram prontamente combatidos por populares e pelos bombeiros que se encontravam na zona a fazer um rescaldo.

As ignições ocorreram através de chama direta, com recurso a uma caixa de fósforos, tendo a presumível autora dos crimes confessado os factos e indicado a forma como procedeu.

A detida vai ser presente às autoridades judiciárias competentes para interrogatório e eventual aplicação de medidas de coação.

Este ano, a PJ já identificou e deteve 37 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Posted in Destaque, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Bustos: Museu do Rádio na antiga Escola Primária estará pronto no início de 2017

A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro aprovou, por unanimidade, na reunião de câmara realizada na última quinta-feira, os projetos de arquitetura, especialidade e abertura do concurso de empreitada do Museu do Rádio que será construído na antiga Escola Primária de Bustos. O espaço terá cerca de 270 m2 de área e deverá estar concluído seis meses após a adjudicação que terá o valor de 387.500 euros. A antiga escola servirá para albergar as reservas, ou seja, restante espólio que não estará em exposição. O Museu receberá mais de mil rádios que serão cedidos pela família de Manuel Silva (residiu em Bustos e atualmente mora em Vagos), que é detentor da maior coleção de rádios em Portugal.

Obra marcante. O vice-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Cristóvão Batista, destacou a importância da aprovação da abertura da empreitada, sublinhando que “o Museu do Rádio será uma obra marcante para o concelho e para o país”. “Estará disponível com a maior coleção de rádios. A diversidade, a qualidade e o facto de todos os rádios funcionarem vai colocar o concelho de Oliveira do no mapa”, defendeu o vice-presidente a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, sublinhando que “em todas as ações que fazemos, acima de tudo há o interesse público.
O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, recordou que ele próprio, acompanhado pelo presidente da Assembleia Municipal de Oliveira do Bairro, visitou a exposição de rádios que se encontra em Vagos e chegou a acordo com a proprietária. “E agora temos a empreitada para avançar”, disse com satisfação o autarca oliveirense.

O colecionador. Recorde-se que Manuel Silva nasceu em 1930, residiu em Bustos, e atualmente mora no vizinho concelho de Vagos. Foi comerciante e técnico de rádios que por volta de 1950 começou a colecionar, ficando com os rádios velhos dos clientes que iam comprar um novo. Hoje, conta com mais de 1500 exemplares. Ao longo dos anos, Manuel Silva acalentou o sonho de criar um Museu do Rádio, onde pudesse expor todos aqueles rádios que fazem a história da rádio, elemento fundamental na comunicação entre os povos e, até 1957, uns dos poucos meios de comunicação em Portugal.
Pedro Fontes da Costa
pedro.f.costa@jb.pt

Posted in Bustos, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Oliv. Bairro: Regulamento que obriga funcionários da Câmara a “soprar no balão” não entrou em vigor

Oliv. Bairro: Regulamento que obriga funcionários da Câmara a “soprar no balão” não entrou em vigor

O regulamento que obriga os funcionários da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro a “soprar no balão”, aprovado em 2009, nunca entrou em vigor. O regulamento tinha como objetivo o controlo preventivo do consumo excessivo de álcool e previa que os trabalhadores fossem selecionados de forma aleatória, num sorteio mensal do qual sairiam três funcionários para o teste. A vereação ficaria de fora deste regulamento.
O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, explicou na última reunião de Câmara, realizada na passada quinta-feira, que a implementação do regulamento “foi uma dificuldade tremenda”. “Andámos anos para fazer o regulamento. Porém para o pôr em prática carece de uma série de regulamentos legais muito difíceis”, justificou Mário João Oliveira, depois de ter recebido, no período aberto ao público na reunião de Câmara, uma denúncia de uma munícipe de que “há funcionários da Câmara a meterem-se nas taças e a beber álcool nos cafés”.
De acordo com Maria Teresa Silvano, um funcionário da autarquia foi visto “a carregar paletes de cerveja para o carro e depois foram para o estaleiro municipal onde se embebedaram”. “Posso ser testemunha, porque vi”, referiu Teresa Silvano, pedindo uma intervenção do presidente, já que “pode haver um desastre. Isto é muito grave”.

Na gaveta. Segundo o regulamento que permanece na gaveta, desde 2009, poderiam ainda ser sujeitos a estes testes de alcoolemia, os indicados por superiores hierárquicos sempre que surgissem comportamentos suspeitos e todos aqueles que estejam envolvidos em acidentes ou incidentes em serviço. Quem for apanhado com uma taxa de 0,5 gramas de álcool por litro de sangue (0,5 g/l) fica sujeito à pena de suspensão de funções. Quem recusar o teste viola o dever de obediência e fica sujeito ao regulamento disciplinar.
Na ocasião, o regulamento interno de consumo de bebidas alcoólicas foi aprovado com as abstenções dos deputados Henrique Tomás (PS) e Lília Ana (CDS/PP) e o voto contra de Jorge Mendonça (CDS/PP).
De acordo com o regulamento interno, “o consumo excessivo de álcool pode produzir efeitos negativos ao nível do absentismo, produtividade no trabalho e na relação com os utentes e com os colegas. A Câmara pretende “contribuir para a prevenção e tratamento desta dependência”.
Na ocasião, o presidente da edilidade, Mário João Oliveira, explicou que os autarcas ficavam de fora, já que o regulamento pressupõe, em caso de incumprimento, medidas disciplinares que não poderão ser aplicadas aos vereadores.
A medida nunca foi vista com bons olhos pela Comissão de Proteção de Dados, já que desta forma estariam a ser postos em causa dados da vida privada dos funcionários.
Pedro Fontes da Costa
pedro.f.costa@jb.pt

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Oliveira Bairro: Autarquia paga mais 104.350 euros a associações

Oliveira Bairro: Autarquia paga mais 104.350 euros a associações

A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro pagou na passada quinta-feira, dia 28 de julho, mais 104.350 euros em apoios e subsídios a associações do concelho.
Em reunião marcada para o efeito, o presidente da Câmara Municipal, Mário João Oliveira, informou que, estando praticamente a meio do ano, “já foram pagos todos os subsídios anuais aprovados pelo Executivo com valores até 10.000 euros e 50% do valor dos restantes, o que atesta a nossa preocupação com o tecido associativo, que reconhecemos com uma das mais-valias do nosso concelho”.
De referir que as associações que já viram o seu subsídio aprovado e a quem foi pago o valor em causa foram as únicas que, até ao momento, entregaram à autarquia toda a documentação necessária, de acordo com a lei, para poderem beneficiar do apoio camarário. Segundo Mário João Oliveira, “existe todo o interesse da Câmara Municipal em aprovar e pagar às associações os seus apoios e subsídios, logo que estas reúnam todas as condições legais para os receber”.
Agradecendo o excelente trabalho que as associações têm feito pelo concelho de Oliveira do Bairro, o autarca relembrou o apoio que a Câmara Municipal tem dado ao movimento associativo, ao longo dos últimos 11 anos, “através da disponibilização de mais serviços e equipamentos colocados ao seu dispor e do reforço, a cada ano que passa, do apoio financeiro que concedemos a quem tanto faz em prol da nossa comunidade”. “O nosso apoio tem sido crescente e contínuo”, referiu o autarca.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Oliv. Bairro: Vereador quer reconhecer publicamente mérito dos atletas do desporto escolar

O vereador do PSD, António Mota, agora sem pelouros atribuídos, propôs, na última quinta-feira, durante a reunião de Câmara, um voto de louvor e reconhecimento aos atletas, equipas e estabelecimentos de ensino, que particularmente na época 2015/2016, participaram em competições internacionais e alcançaram títulos nacionais nas diversas modalidades.
António Mota justificou que os atletas conquistaram resultados de enorme relevância que em muito contribuíram para o prestígio e desenvolvimento desportivo do concelho de Oliveira do Bairro, consolidando o meritório trabalho desenvolvido em épocas anteriores.

Trabalho notável. O autarca recordou que as associações desportivas e os estabelecimentos desportivos que “participaram nas atividades do desporto escolar, do município de Oliveira do Bairro têm desenvolvido, ao longo dos anos, um trabalho notável, ao nível da formação dos atletas nas várias modalidades, numa clara demonstração de superação e determinação”. “Como consequência desse trabalho, do esforço e empenho conjunto de todos os envolvidos (dirigentes, treinadores, professores e atletas), os resultados em muito têm enaltecido o nosso município, tanto a nível nacional como internacional, colocando-nos em competições desportivas do mais alto nível”, defendeu o autarca, que propôs ainda que “o voto seja comunicado aos atletas, equipas e estabelecimentos de ensino, agraciados em cerimónia protocolar a ter lugar em reunião pública do executivo municipal”.
O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, prometeu levar a proposta a votação na próxima reunião de Câmara, solicitando que o vereador faça chegar uma “listagem dos louvados”. “Era bom que fizesse chegar para não incorrer em falhas”, alertou o edil oliveirense.

Pedro Fontes Costa
pedro.f.costa@jb.pt

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Smoke The Fire da ESOB na final de concurso de ciência espanhol

smoke_fire_esobO projeto “Smoke The Fire”, da Escola Secundária de Oliveira do Bairro, concorreu ao “Ciencia en Acción XVII”, um concurso de ciência para alunos do ensino secundário de países de língua espanhola e portuguesa, e viu o seu trabalho ser reconhecido ao ser selecionado para a final deste evento que irá decorrer em Algeciras (Cádiz), Espanha, de 7 a 9 de outubro de 2016. Estarão representados cerca de 150 projetos de várias áreas da ciência de diversos países, concorrendo o projeto na modalidade de “Ciência e Tecnologia” juntamente com outros 13 projetos, sendo o único portugês nesta modalidade.
Após a sua participação na Mostra Nacional de Ciência, o projeto foi convidado pela Associação Juvenil de Ciência a participar no “Youth Science Meeting”, encontro de ciência internacional que irá decorrer em Lisboa de 24 a 31 de julho e onde os alunos irão apresentar o seu projeto ao público presente no encontro.
O projeto “Smoke The Fire” foi desenvolvido pelos alunos Diogo Albuquerque, Samuel Santos, Vitaliy Davydovych e Gabriel Marques do 11.º B e coordenado pelo professor Joaquim Almeida. Ao longo do ano letivo, este grupo da Escola Secundária de Oliveira do Bairro desenvolveu o projeto com o intuito de proteger a saúde biológica das florestas e ajudar os bombeiros no combate aos incêndios, promovendo assim a proteção de habitats, vidas humanas e animais, através da conceção de um dispositivo detector de fumo a ser colocado no topo das árvores e postes de eletricidade.
O projeto viu o seu trabalho ser recompensado com estas participações, gerando motivação e vontade de continuar a trabalhar.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

SFImobiliaria

Pergunta da semana

É assinante do Jornal da Bairrada?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com