O Parque do Prego, em Perrães, vai ser subconcessionado em breve, anunciou a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro.
A Câmara, em conjunto com a AMPER, associação a quem em 2004 foi concessionado o Parque do Prego, “têm, nas últimas semanas, conversado e reunido no sentido de subconcessionar o espaço a uma terceira entidade”.
A autarquia oliveirense faz ainda saber que “o principal objetivo das três entidades envolvidas passa pela promoção da educação ambiental e pela criação de uma dinâmica em torno da flora, da fauna e da produção de arroz”.
Apesar do Parque estar desprezado e de ser alvo de críticas por abandono, por parte da população, a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro recorda que “o bar esteve a funcionar até fevereiro deste ano, altura em que a pessoa a quem estava subconcessionada a exploração faleceu, e ainda no ano passado, depois do temporal de janeiro, a Câmara substituiu o telhado do bar”.

História. O Parque do Prego, que custou 233 mil euros, foi inaugurado no dia 19 de outubro de 2003, numa parceria entre a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro e a Associação de Municípios da Ria. Foi alvo de uma candidatura ao Programa Operacional Regional do Centro (QCA III) / Eixo III – Medida 3.13 – Ambiente.