Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Bombeiros de Anadia: promoções em dia de aniversário

 

Na penúltima terça-feira, dia 20 de Dezembro, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia (AHBVA) esteve em festa. À Ceia de Natal juntou a festa do seu 78.º aniversário.
Esta dupla comemoração fez-se à volta de um conjunto de promoções e condecorações de vários elementos do corpo activo, após missa na nova Igreja Matriz, celebrada pelo padre Torrão, a que se seguiu a Ceia de Natal no quartel (servida pelo Restaurante O Sancho) com distribuição de prendas às crianças e Cabazes de Natal aos bombeiros.
Na verdade, a Ceia de Natal regressou ao Quartel, após um interregno de alguns anos, reunindo desta feita cerca de três centenas de convivas no salão nobre da corporação anadiense.

Comandante elogia corpo activo. Na hora dos discursos, o comandante Eduardo Matos lamentou que muitas vezes os bombeiros, no desempenho das funções, sejam alvo de críticas infundadas e em algumas ocasiões até de expressões altamente ofensivas, sendo certo que, face a este desrespeito, “mantemos uma postura de bem servir, demonstrando todo o nosso saber”.
Passando para o momento actual, de crise financeira que o país atravessa e da qual os bombeiros também já sofrem, Eduardo Matos sublinharia que a Protecção Civil, “da qual somos parte integrante, não pode continuar a asfixiar-nos com mais cortes financeiros, porque assim não nos será possível adquirir equipamentos mais modernos e versáteis para satisfação completa da nossa operacionalidade”.
O comandante da corporação anadiense elogiou ainda todo o corpo activo, não esquecendo os que nesta quadra festiva estão de serviço. A terminar, referiu-se ainda à direcção da Associação, sempre atenta às necessidades da corporação.

Apelo à população. Por seu turno, Mário Teixeira, presidente da AHBVA, reconhecendo que a corporação atravessa um período menos favorável, explicou a razão da realização da tradicional Ceia de Natal e aniversário: “porque também no dia 31 de Dezembro termina o mandato do actual elenco directivo”.
Perante os cerca de 300 convivas, Mário Teixeira reconhecendo as dificuldades e muito maiores vicissitudes que se avizinham, pediu o apoio e colaboração de todos.
Elogiando o comandante que, “com a experiência vivida na sua já longa carreira nos bombeiros, tem sabido conduzir e tornar o corpo activo coeso, eficiente e operacional”, Mário Teixeira destacaria ainda que, nestes tempos difíceis, “não tem sido fácil a gestão da Associação, que obriga a um esforço enorme, adoptando uma adequada engenharia financeira, com vista a ultrapassar a quebra acentuada (menos 50%) nos serviços de transporte de doentes, principal fonte de receitas”. Daí ter apelado aos habitantes do concelho para que estejam sensíveis e ajudem a apetrechar o corpo de bombeiros e, ao mesmo tempo, ajudem a manter os postos de trabalho dos bombeiros trabalhadores.
Por isso, Mário Teixeira espera contar com o apoio da população para pagar os 40 mil euros que cabem à AHBVA, na aquisição de uma viatura de combate a fogos florestais. “A Autoridade Nacional de Protecção Civil decidiu atribuir -nos uma viatura de combate a incêndios florestais, em relação à qual a Associação de fazer uma candidatura ao QREN que a subsidiará em 70%, mas estando a viatura orçada em 140 mil euros terá a Associação que contribuir com 40 mil euros”, explicou.

Campanha de angariação de fundos. Uma verba elevada que obriga a corporação a promover uma campanha de angariação de fundos, que já está em curso, através da venda de rifas.
Mário Teixeira aproveitou também para homenagear, a título póstumo, o ex-director, falecido há sete meses, Rui Venâncio Marques, “um saudoso amigo que será recordado pelos tempos fora”.

Câmara preocupada com ano de 2012. A noite já ia longa quando o autarca Litério Marques lamentou não ter um discurso optimista para fazer, até porque, embora gostasse de ter projectos para os Bombeiros, persistem muitas dúvidas em relação ao ano de 2012.
“Há orçamentos, ainda existe muito dinheiro no papel, mas, na prática, tudo é uma incógnita”, disse, sublinhando que, neste ano de 2011, esta Associação Humanitária custou à Câmara Municipal cerca de 65 mil euros, entre seguros, protocolos e parcerias.
Aos presentes deixou ainda vontade de renovar, em Janeiro, com os Bombeiros e a Autoridade Nacional de Protecção Civil, um novo protocolo para manter no concelho uma equipa permanente de combate a incêndios.
Destacando que a Câmara Municipal mantem total disponibilidade para ceder os terrenos necessários à construção do novo quartel, há muito desejado, deixou ainda um pequeno donativo de 5 mil euros para a aquisição da viatura de combate a incêndios. “É a verba possível, pois embora ainda não estejamos a sofrer essa falta de dinheiro, temos de ter cuidado com as verbas que gastamos”, adiantou.

Promoções

 

Estagiários promovidos à categoria de Bombeiros de 3.ª: Fitipaldi Neves; Raul Alves; Liliana Bastos; Cristina Fernandes; Rosana Oliveira e Herculano Pereira

 

 

Medalhas de assiduidade por bom e efectivo serviço durante 5 anos – Grau Cobre: Jennyfer Carvalho; Ana Sofia Marques; Rafael Castro

 

 

Medalhas de assiduidade por bom e efectivo serviço durante 10 anos – Grau Prata: Bruna Lopes; Herculano Pereira; Catarina Lopes; Paulo César Ribeiro

 

 

Medalhas de assiduidade por bom e efectivo serviço durante 15 anos, Grau Ouro: Aurélio José Duarte

 

 

Medalhas de assiduidade por bom e efectivo serviço durante 20 anos, Grau Ouro: Maria José Gomes

 

 

Medalha de dedicação: Subchefe Manuel Vieira Rolo

 

 

Catarina Cerca
catarina@jb.pt

Deixe um comentário

Ad Code

Blogues recomendados


Cagido

ACIB – ENCONTROS COM COMERCIANTES
ACIB e Juntas de Freguesias promovem encontros com comerciantes dos concelh …


Notícias de Bustos

BRASIL E SUAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS – Opinião eleições/2014, Aristides Arrais
*Acredito que a maioria de meus amigos de além- mar esteja acompanhando o m …


Portal de Nariz

Nota da Administração
Depois de algum tempo de ponderação e reflexão, o Portal de Nariz informa q …

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com