Se o Oiã já não tem hipóteses de se manter no escalão principal, Fermentelos e Mourisquense continuam a adiar a recuperação. Os Leões da Pateira perderam pela diferença mínima no reduto do União de Lamas, num jogo em que os bairradinos se queixam da equipa de arbitragem.
Em casa, a equipa da Mourisca vendeu cara a derrota diante do líder Sanjoanense. As duas equipas aguedenses estão em zona de risco na classificação.
O Oiã perdeu no terreno da Ovarense, mas a equipa bairradina deu boa réplica, pois esteve por duas vezes em vantagem.
Ao vencer em S. Roque, o Águeda continua na luta pela subida. A equipa de Fernando Pereira está a três pontos do duo da frente, Sanjoanense e Estarreja.
O Mealhada perdeu em Paços de Brandão e foi ultrapassado pelo seu adversário na classificação.
2-Apesar do Carregosense, candidato à subida, já não vencer há 4 jogos, o Águeda, em casa, não terá pela frente um adversário fácil.
O Fermentelos joga a primeira de várias finais. A primeira em casa diante do Pessegueirense, que tem menos três pontos. Um jogo entre aflitos e de primordial importância para os Pimpões.
O Mourisquense joga em Castelo de Paiva. Algum favoritismo para o Paivense. Equilíbrio prevê-se no Mealhada – Gafanha, enquanto o Oiã, em casa, vai tentar inverter a lógica dos maus resultados.

II DIVISÃO

SÉRIE C.1-Numa jornada em que os cinco primeiros jogaram entre si, o saldo foi de dois empates e uma vitória. Quem ganhou ou perdeu pontos? O Famalicão, que não perdeu a liderança, empatou em casa com o Calvão, que, apesar do ponto conquistado, não conseguiu encurtar distâncias para os três primeiros. O Águas Boas, em Couvelha, também empatou, com os canarinhos a falharem uma grande penalidade.
E quem beneficiou destes empates foi a LAAC, que venceu tranquilamente em casa do Troviscalense e ficou a três pontos do Famalicão.
O Luso não tremeu na casa do CRAC, tal como o Carqueijo em casa, frente ao Bustos. As duas equipas mantém o 6.º e 7.º lugares. O Paredes do Bairro trouxe um ponto de VN Monsarros.
O Mamarrosa justificou em casa (vitória sobre o Antes) o bom momento que atravessa, ao contrário do Ribeira/Azenha, que voltou a claudicar diante do Benfica e Arinhos.
O Carregosa fez bem o trabalho de casa e venceu o Aguinense.
2-O Famalicão vai tentar não meter água no Luso, num jogo de alguma dificuldade para o líder. O Águas Boas joga com os vizinhos da Mamarrosa e terá de ter algumas cautelas dado o bom momento dos mamarrosenses. A LAAC terá de ser igual a si própria em Paredes do Bairro, tal como o Couvelha em Bustos.
Esta poderá ser uma jornada benéfica para o Calvão, caso vença em casa o VN Monsarros, pois os seus adversários têm jogos complicados.
Prevê-se um jogo equilibrado no Troviscalense – Carqueijo. O factor casa poderá ser determinante nos jogos Ribeira/Azenha – Antes, Benfica e Arinhos – Carregosa e Aguinense – CRAC.

SÉRIE B.1-Sem capacidade para ganhar em casa, o Nariz voltou a surpreender fora, ao vencer na Gafanha D’ Aquém, enquanto o Sosense trouxe importante ponto de Oliveirinha.
2-A Oliveirinha é o próximo adversário do Nariz. Em casa, a equipa de Manuel Casimiro ainda não conheceu o sabor da vitória e apenas contabilizou um ponto. Será que irá continuar em branco no que diz respeito às vitórias?
O Sosense fará a recepção ao tranquilo Pinheirense. A equipa de Pinheiro da Bemposta é campeão dos empates, 9 no total. Divisão dos pontos em perspectiva!