Num jogo entre um adversário directo, o Águas Boas voltou a derrapar em casa (segunda derrota consecutiva) frente ao Canedo e continua mergulhado nos últimos lugares.
Em Cucujães, o Águeda registou o terceiro empate consecutivo, numa jornada em que o Mealhada alcançou a terceira vitória em casa diante do Mourisquense. O Macinhatense não foi além de um empate caseiro frente ao Paços de Brandão.
2-Longe dos lugares cimeiros, o Águeda joga em casa com o União de Lamas, actual 2.º classificado, prevendo-se um jogo complicado para os Galos, que estão aquém do previsto nos objectivos delineados no início de época.
O Águas Boas joga em S. Roque disposto a contrariar o favoritismo dos locais, numa equipa em que os índices psicológicos não deverão ser os melhores face aos últimos maus resultados.
O Mealhada não espera facilidades em Fiães, adversário que apostou no regresso aos nacionais. O Macinhatense é bem capaz de trazer pontos de Canedo, enquanto o seu vizinho, o Mourisquense, em casa, frente ao Paivense, vai tentar fazer o que já não consegue há 7 jornadas, ganhar.

II DIVISÃO

SÉRIE C.1-Mesmo sem jogar, a LAAC manteve a liderança, pois o Requeixo foi surpreendido em casa pelo Bustos.
Quem ficou mais longe do 2.º lugar foi o Fermentelos que, algo surpreendente, empatou em casa com o Gafanha D’ Aquém, que à partida para esta jornada ainda não tinha qualquer ponto. A jornada acabou por ser benéfica para o Valonguense (goleou o Nariz por 7-1) e para o Oiã, que foi vencer ao reduto do Bom Sucesso, agora 2.º e 3.º classificados, respectivamente.
O Troviscalense não aproveitou o factor casa e empatou com o Carregosa, sucedendo o mesmo ao Sosense na recepção ao Oliveirinha.
2-Numa jornada em que não deve haver alterações na frente da classificação, os jogos Bustos – Troviscalense e Carregosa – Sosense, tratando-se de dois derbies concelhios, promete emoção. Jogos de resultado imprevisível.
A LAAC não deverá ter problemas em casa para se desenvencilhar do Bom Sucesso, tal como o Fermentelos na deslocação ao terreno do Nariz, única equipa que ainda não somou qualquer ponto.
Em igualdade pontual, o jogo Oiã – Requeixo prevê-se renhido, tal como o Oliveirinha – Valonguense, embora oianenses e canarinhos levem alguma vantagem.

SÉRIE D.1-O Carqueijo, ao perder em Famalicão, equipa que já não ganhava há três jogos, perdeu a liderança. O CRAC, ao empatar em casa com o Luso, também não aproveitou, e a classificação é agora repartida por três equipas. O Calvão goleou na Mamarrosa, o Paredes do Bairro alcançou a quarta vitória consecutiva em Couvelha e o VN Monsarros foi vencer a Arinhos.
O Aguinense conquistou a primeira vitória em casa frente ao Ribeira/Azenha.
2-O trio da frente vai tentar manter a liderança, sendo que o VN Monsarros deverá ter a tarefa mais fácil na recepção ao Mamarrosa. O Calvão recebe o Couvelha, que ainda não pontuou fora, e tem boas hipóteses para somar os três pontos. O Paredes do Bairro joga no Luso e o excelente momento da equipa de Luís Pedro Bandarra confere-lhe algum favoritismo.
CRAC e Carqueijo ficarão à espreita de um deslize dos três primeiros. Ambos jogam em casa, respectivamente com Aguinense e Benfica e Arinhos, e tudo se conjuga para que ambos não desperdicem pontos em casa. As duas equipas estão a um ponto da liderança.
As mais-valias do Famalicão poderão fazer a diferença no reduto do Ribeira/Azenha, numa Série que está ao rubro.