Para o Campeonato Safina, o Famalicão, em casa, frente ao Avanca, teve tudo para ser feliz, mas deixou-se empatar nos minutos finais. Apesar do resultado não ter sido totalmente positivo, os famalicenses continuam fora da zona de despromoção.
O final da primeira parte e o início da segunda foram nefastos para o Pampilhosa, que perdeu por 3-0 no terreno do São João de Ver, atual segundo classificado.
2-Na próxima ronda, o Famalicão joga com um adversário na luta pela manutenção, o Canedo, na casa deste. Um jogo que terá de ser encarado como de uma final se tratasse, onde a vitória é fundamental, dado que os locais ocupam a última posição.
Em casa, o Pampilhosa tem missão complicada diante do líder Lourosa. Os ferroviários não atravessam um bom momento, ao contrário do seu opositor, e terão de fazer das tripas coração se querem pontuar.
 
I DIVISÃO
1-No jogo grande da jornada, o Oliveira do Bairro foi a São Vicente Pereira vencer e cimentou a liderança no campeonato, agora de 11 pontos de avanço para o segundo classificado, o seu adversário de domingo e 13 para o quarto, o Fermentelos, visto que sobem três clubes. O caminho parece livre rumo à subida ao Campeonato Safina.
Em casa e com alguma surpresa, o Fermentelos empatou com o Carqueijo, último classificado, e perdeu excelente oportunidade para subir ao terceiro lugar, que dá direito à subida de divisão.
Melhor sorte teve o Oiã que, na receção à EF Rui Dolores, venceu pela margem mínima (1-0).
Mourisquense e Juve Force dividiram os pontos, após o empate a um golo. Pior esteve o Mealhada, que perdeu em Paços de Brandão e ficou mais longe do topo da classificação.
Num jogo recheado de golos (7), o Calvão perdeu no terreno do Mosteirô FC e continua mergulhado na zona de descida.
2-Domingo há dérbi bairradino, com o Oliveira do Bairro a receber o vizinho Oiã. Este tipo de jogos tem sempre uma adrenalina suplementar, quem está pior classificado, neste caso os oianenses, costuma agigantar-se e tentar fazer uma surpresa. Tudo pode acontecer.
O Fermentelos joga no terreno do aflito Milheiroense e tem boas hipóteses de trazer de lá um resultado positivo, tal como o Mourisquense na deslocação a Carqueijo.
A Juve Force, em casa, é favorita diante do Mosteirô FC, prevendo-se o mesmo ao Mealhada na receção ao Cucujães. O mesmo não se poderá dizer do Calvão no reduto do S. Vicente Pereira, que pretende manter o segundo lugar.
 
II DIVISÃO
SÉRIE B. 1-No dérbi aguedense, Valonguense e Macinhatense empataram a um golo, resultado que não interessou a nenhuma das equipas.
O Valonguense recebe a Ovarense B e é favorito. O Macinhatense, em Requeixo, também deverá pontuar.
SÉRIE C. 1-Depois da vitória no reduto do Mamarrosa, o Antes voltou a ficar sozinho na liderança, visto que o Bustos caiu com estrondo no reduto da LAAC (3-0).
Ao empatar em casa com o Paredes do Bairro, o Luso perdeu terreno, tal como o Águas Boas, que foi derrotado pelo Santo André.
O Sosense levou a melhor sobre o Ribeira/Azenha e, como era expectável, o CRAC venceu fora o vizinho Juve Force B.
Depois de oito jogos sem pontuar, o Aguinense empatou com o VN Monsarros.
2-Domingo começa a segunda volta e logo com um LAAC – Antes. A equipa de Aguada de Cima quer subir e, como tal, só a vitória lhe interessa. O Bustos não deverá ter vida fácil no Luso, equipa que ainda sonha por algo mais. Jogo de tripla.
O Águas Boas tem condições para trazer pontos do terreno do CRAC, sucedendo o mesmo ao Aguinense na casa da Juve Force B.
Em casa, o Mamarrosa tudo fará para regressar às vitórias frente ao Ribeira/Azenha e, no dérbi anadiense, o VN Monsarros defronta o Paredes do Bairro, num jogo que poderá dar empate. No Sosense – Santo André, o equilíbrio deverá imperar.