Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Escravizou mulher durante 44 anos em Sérem de Baixo

Um idoso, com 80 anos de idade, foi detido pela GNR, na sexta-feira, em Serém de Baixo, Águeda. É suspeito de acorrentar a mulher e de a tratar como escrava durante 44 anos. Manuel Pereira foi ouvido por um juiz de instrução criminal, que o proibiu de se aproximar da mulher.

Maria Eugénia viveu décadas acorrentada e era alvo de agressões físicas. O marido só lhe dava restos de comida e, por isso, estava subnutrida.

Na base da detenção esteve a queixa de um vizinho, feita na penúltima quarta-feira. Talvez por medo, a vítima sempre negou as agressões às autoridades.

Maria foi levada para a psiquiatria dos Hospitais da Universidade de Coimbra.
O Correio da Manhã conta que, “durante 44 anos, Maria Eugénia sofreu em silêncio, quase como uma penitência, sempre a negar o inferno em que vivia”.

Este jornal ouviu Carminda Almeida, prima e vizinha de Maria, que contou que “o marido amarrava-lhe um cadeado aos tornozelos, colocava um tampão do pneu de um carro entre as pernas e depois prendia-a a uma laranjeira do quintal para ela cavar a terra”.

Ao longo dos anos, Manuel Pereira partiu-lhe os dentes, as costelas, o ombro e até lhe fez um golpe com uma machada. Maria nunca teve conforto. “Dormia no chão e ele na cama.”

O marido foi libertado, estando sujeito a apresentações periódicas e proibido de se aproximar da mulher. O tribunal determinou que usará uma pulseira que emite um sinal de alerta sempre que se aproximar de Maria Eugénia.

Comentários

  1. claudia diz:

    a população da terra desse senhor haviam de lhe fazer o mesmo que ele fez a sua esposa.
    Portugal esta como esta porque não existe justiça

Pergunta da semana

Vai a algum festival de verão este ano?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com